© 2017 - 2019 Hamaca Filmes.    Design by Lírio Web Digital

02

Profissionais Parceiros__________

SÓCIOS
ROTEIRISTAS
 
 
HENRIQUE DANTAS

Graduado em Artes Plásticas pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e em Administração de Empresas pela UNIFACS, Henrique fez mestrado em Artes Visuais pela UFBA, onde desenvolveu pesquisa sobre Apropriações e Intervenções com as Sombras do Cotidiano. Ensinou por dois anos no bacharelado de Artes Visuais da UFBA onde orientou, nas disciplinas “Prática Profissional” e “Análise e Produção da Imagem”, os trabalhos de conclusão de curso. Atua como diretor, roteirista e diretor de arte. Entre os seus principais trabalhos estão a direção, concepção e roteiro do documentário longa-metragem “Filhos de João, Admirável Mundo Novo Baiano”, filme que recebeu quatro Candangos no 42º Festival de Cinema Brasília no ano de 2009, entre eles o prêmio especial do Júri e o Prêmio do Júri Popular, além de mais 5 prêmios em outros festivais nacionais. Realizou o curta doc “Ser Tão Cinzento”, premiado em Brasília, Buenos Aires e como melhor filme no É Tudo Verdade 2012, e o curta ficção “A Bicicleta do Vovô”, que ganhou o melhor curta infantil no Festival de Triunfo 2012 e roda festivais com o 2º longa documentário, “Sinais de Cinza, A Peleja de Olney Contra o Dragão da Maldade”, que foi  premiado no FAM 2014 e exibido em festivais na Itália e na Polônia. O documentário “A Noite Escura da Alma”, dialoga com a performance como linguagem para o Audiovisual, teve lançamento nacional na 19ª Edição do Festival de Tiradentes. Antes, foi exibido no Chile, no festival de Antofagasta. Realizou o curta ficção “A Bicicleta do Vovô”, vencedor do melhor curta infantil no Festival de Triunfo 2012, que foi transformado em série de ficção para a TV e deve estrear em breve.

PEDRO SEMANOVSCH

Trabalhou como Diretor de Fotografia nos curtas “Na Terra do Sol” de Lula Oliveira, “E Ai Meu Irmão?”, de Pedro Léo, “Cães”, de  Adler Paz e Moacyr Gramacho, “Ser Tão Cinzento” e “A Bicicleta do Vovô” de Henrique Dantas e os longas “Samba Riachão” de Jorge Alfredo, “Eu Me Lembro” de Edgard Navarro, “Isso Tudo me Parece um Sonho” de Geraldo Sarno, “Trampolim do Forte”de João Rodrigo Mattos e “Sinais de Cinza, A Peleja de Olney Contra o Dragão da Maldade”, de Henrique Dantas.

Henrique Dantas trabalhou em curtas metragens “Pixaim” de Fernando Belens(Captação de áudio), “Na Terra do Sol” Lula Oliveira(Direção de Arte), “Penalty” de Adler Paz (Direção de Arte), “Anjo Daltônico ”Fábio Rocha(Direção de Arte) e a Direção de arte nos Longas metragens “Estranhos” de Paulo Alcântara(2008), “Trampolim do Forte” (2009)de João Mattos e Raízes de Aninha de Renato Barbieri(2014).

 
MARCELLO  GURGEL

Formado em Comunicação Social pela UNIJORGE. Começou sua vida profissional na retomada do cimena baiano, com o Longa “3 Histórias da Bahia” de Edyala Yglesias, Sérgio Machado e José Araripe Jr.(1997). EM mais de 20 anos de carreira,  produziu dezenas de filmes publictários, DVDs, Documentários e Campanhas politicas  no Brasil e fora dele.

Ao retornar da África, se associa `a Henrique Dantas e Pedro, Semanovischi, amigos há mais de 20 anos, e produz os filmes; ” Ser Tão Cinzento”, “Sinais de Cinza, A Peleja de Olney Contra o Dragão da Maldade”, além do curta metragem “A Bicicleta do Vovô”. Foi o produtor executivo da série de tv  “A Bicicleta do Vovô”(2017) e da novela portuguesa " Valor da Vida"(2018). Atualmente faz a Direção de produção dos documentários; "Dorivando Saravá - O preto que virou mar" e "Seculares, o mundo há mais de cem", ambos com direção de Henrique Dantas.

PAULO FERNANDES

Formado em comunicação social, já escreveu diversos roteiros, entre eles o curta-metragem "Pênalti", o especial de TV "E os anjos, de onde vêm?" e a série infantil "A bicicleta do vovô ". Atualmente está trabalhando nas séries "Velórios", "A liga da justiça sertaneja", "Várzea" e "X-Bete" e no longa-metragem "Eu só queria cantar". Ao longo da sua carreira foi redator e diretor de criação em diversas agências onde fez campanhas para grandes clientes como TIM, ANP, Walmart, Cencosud, NET, além de ter escrito ou dirigido 10 campanhas políticas para prefeituras, governos e presidência.

 
TACILLA SIQUEIRA

Formada em Comunicação Social, é Doutora e Mestre em Administração. Desenvolveu por dois anos pesquisa de Pós-doutorado no Programa de Pós-graduação em Relações Internacionais da Universidade Federal da Bahia (PPGRI-UFBA) com bolsa de pesquisa concedida pela CAPES. Escreveu e publicou sobre o audiovisual como instrumento de transformação social. Possui curso em Técnicas de vídeo produção e introdução ao estúdio de televisão pela Goldsmiths University of London – Londres (UK) e curso de roteiro pelo SATED- BA. Teve o projeto de roteiro para série de TV selecionado pela Usina do Drama da UFBA e, atualmente, compõe o seu grupo de trabalho. É co-roteirista do filme infantil “A Bicicleta do Vovô”, exibido no Short Corner de Cannes e premiado no Festival de Triunfo; da série “A Bicicleta do Vovô”, com previsão de exibição na TV Brasil para 2017; do curta “baBAVIda: a cidade de cabeça para baixo”, ganhador do prêmio Diomedes Gramacho de melhor produção baiana na XXIV Jornada Internacional de Cinema; dos filmes em longa metragem “Silêncio” e “A Liga da Justiça Sertaneja”, e das série “ContrAnistia” e “A Liga da Justiça Sertaneja”, estes últimos em fase de finalização de roteiro. É roteirista da série “A Casa das Mães-Solo”, também em fase de finalização de roteiro.